Até tu, Silas!

O pastor Silas Malafaia foi indiciado pela Polícia Federal na Operação Timóteo por lavagem de dinheiro. No ano passado, o pastor conduzido coercitivamente a prestar esclarecimentos sobre a questão.

Aqui no Pará, também no ano passado, por

Romero Jucá: “Suruba é suruba”

“Se acabar o foro, é pra todo mundo. Suruba é suruba. Aí é todo mundo na suruba, não uma suruba selecionada”.

A expressão acima é do senador Romero Jucá, atualmente, líder do governo no Congresso

Domingos Juvenil foi condenado

Domingos Juvenil, ex-presidente da ALEPA – Assembleia Legislativa do Pará, foi condenado a cumprir pena de 3 anos de reclusão pelo crime de peculato, além de 75 dias de multa.

O ex-presidente foi denunciado em 2011em ação penal feita

A morte e a morte da Lava Jato

Li o texto abaixo e resolvi publicar para os visitantes do Pará Político.

Sobre o autor: Murillo de Aragão é advogado, jornalista e cientista político. É articulista dos jornais O Estado de São Paulo, O Tempo (Belo Horizonte)

Perguntas de Cunha a Temer

Nova lista de perguntas de Eduardo Cunha para Temer deve badalar os comentários políticos da semana. 

O presidente Michel está no processo como testemunha do ex-deputado.

Desde quando preso, não é a primeira vez que o Cunha

Operação Leviatã

A Polícia Federal, através da operação Leviatã (extensão da Lava Jato que investiga a obra de Belo Monte), esteve nas ruas de alguns Estados hoje (16) cumprindo mandados de busca e apreensão.

Desta vez, os alvos foram: Edison Lobão, Márcio Lobão e Luís Otávio

LULA na frente pra 2018

“O presidente LULA ganha hoje em todos os cenários. Se as eleições fossem hoje, facilmente seria eleito como presidente da República. Há também um crescimento bastante significativo do Jair Bolsonaro, que mostra esse nicho de pessoas que pensam de forma diferente da média”.

A decisão de Celso de Mello

A permanência do Moreira Franco na Secretária-Geral da Presidência, após a decisão do ministro do STF Celso de Mello de permitir a sua nomeação, garantindo assim o dito foro privilegiado ao também ministro, está proporcionando consequências

Moreira Franco é ministro novamente

O ministro do STF, Celso de Mello, decidiu hoje (14) que Moreira Franco poderá permanecer ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

Com a decisão, Moreira volta a só poder ser julgado